background

A Xaar e a Lawter associaram-se para oferecer a impressão com nanotinta de prata para bens eletrônicos de consumo

10 novembro 2015Categories: Xaar 1002
​​A Xaar plc, líder mundial em tecnologia industrial a jato de tinta, e a Lawter, juntamente com sua empresa controladora Harima Chemicals Group (HCG), têm o prazer de anunciar que passarão a trabalhar em colaboração para otimizar o desempenho de uma linha de tintas de nanoprata não condutoras na cabeça de impressão industrial a jato de tinta Xaar 1002. A solução combinada será de particular interesse para os fabricantes de bens eletrônicos de consumo, que procuram um método robusto e confiável para imprimir antenas e sensores com tinta de nanopartículas de prata, como parte de seus processos de fabricação. 

O jato de tinta industrial oferece vantagens significativas em relação às tecnologias de impressão tradicionais, para os fabricantes de produtos eletrônicos de consumo. O jato de tinta é um processo mais limpo que os outros métodos de impressão com tinta de prata; isso é especialmente importante quando se imprime sobre um substrato como um monitor, onde qualquer perda de produtividade pode sair muito caro. Com o jato de tinta, os fabricantes podem controlar com bastante precisão a quantidade de tinta dispensada em determinadas áreas de um padrão, para que a tinta ou fluido depositado fique mais espesso em algumas áreas e mais fino em outras.  Da mesma forma, o jato de tinta permite depositar uma camada muito mais fina de fluidos que os métodos tradicionais, o que é importante para os fabricantes que desejam produzir dispositivos mais finos. Além disso, o jato de tinta é uma das poucas tecnologias que permitem imprimir circuitos sobre um substrato com uma superfície estruturada.

Tanto a Xaar como a Lawter / HCG são líderes em suas respectivas áreas, por isso o anúncio de que as duas empresas passaram a trabalhar juntas em uma solução que combina a cabeça de impressão e a nanotinta de prata será de interesse para vários fabricantes do setor. 

“Esta é uma excelente oportunidade para mostrar nossas últimas inovações tecnológicas e demonstrar o valor exclusivo que nossas revolucionárias soluções a jato de tinta com nanopartículas podem exercer como parte de uma solução com sistemas integrados no mundo dos eletrônicos”, afirma o Dr. Arturo Horta Ph.D., Gerente de Desenvolvimento de Negócios da Lawter Innovation Group.  

A HCG foi pioneira no desenvolvimento e na fabricação de tintas condutoras com nanopartículas de prata para o setor de produtos eletrônicos impressos há mais de 20 anos, e possui mais de 100 patentes relacionadas a sua tecnologia de dispersão de nanopartículas. Essa inovadora linha de tintas condutoras de prata para a impressão a jato de tinta oferece uma combinação exclusiva de sinterização em baixa temperatura e alta condutividade de circuitos. Além disso, as novas tintas da Lawter são compatíveis com uma série de ferramentas de cura fotônica, bem como uma variedade de substratos.  Esses recursos de valor agregado, reunidos pela primeira vez no mesmo produto, aumentam a eficiência dos projetos, reduzem os custos com matérias-primas e permitem imprimir com linhas mais finas.  Tudo isso incorpora vantagens substanciais e quantificáveis para o usuário final.

A Xaar, também um grande nome no mundo das aplicações fabris industriais, é fornecedora da incomparável tecnologia de jato de tinta tecnologia há 25 ano​s. Sua cabeça de impressão líder, a Xaar 1002, é particularmente adequada para as tintas condutoras de prata da Lawter, por causa do exclusivo sistema TF Technology​™ (recirculação do fluido) da cabeça de impressão, que garante o fluxo contínuo das partículas pesadas na tinta, fornecendo uma impressão ininterrupta para uma produção em grandes volumes. “As aplicações que irão se beneficiar com a combinação das tintas condutoras de prata da Lawter e a cabeça de impressão Xaar 1002 são sensacionais,” explica Keith Smith, Diretor de Fabricação Avançada da Xaar. “Estamos vendo cada vez mais que o mercado de produtos eletrônicos de consumo está buscando uma solução de impressão que proporcione a qualidade das tintas da Lawter e a confiabilidade de produção da Xaar GS6 1002, para que os projetistas fabriquem dispositivos mais finos.  A combinação da cabeça de impressão e tinta, juntamente com a sinterização fotônica, está demonstrando potenciais de projetos mecânicos e elétricos que nunca foram imaginados antes.”


Recursos do artigo
Notícias recentes


Arquivo de notícias